Novidades

- 26.02.2018

O indispensável e eterno romance da sétima arte com a música

Playlist resgata grandes sucessos do cinema

Imprimir esta novidade
Compartilhar esta novidade

Talvez você não lembre do começo, meio e fim. Sequer do que se tratava o filme. Mas existem cenas que facilmente você terá frescas na memória graças a um elemento fundamental, a trilha sonora.

Compostas originalmente, selecionadas por afinidade com o roteiro ou resgatadas pelo gosto peculiar de um diretor, há certas músicas que tornam-se elementos de identidade.

Quentin Tarantino é um destes caras que imprime grandes momentos musicais em suas obras. Os dois primeiros parágrafos deste texto foram pensados a partir de uma cena específica de um de seus clássicos.

Com estas pistas dadas, talvez você até já saiba que estamos tratando de John Travolta e Uma Thurman dançando You Never Can Tell, de Chuck Berry, no emblemático Pulp Fiction. A faixa, lançada originalmente em 1964, estava longe de ser uma daquelas faixas que assinam o trabalho de um artista. Mas bastou Tarantino resgatá-la trinta anos depois em sua película para se tornasse uma em 1994 para que se tornasse tão marcante como Roll Over Beethoven, School Day e Johnny B. Goode, por exemplo.

Há também aqueles filmes em que a música é praticamente protagonista. Um exemplo: Alta Fidelidade. Baseado no livro de Nick Hornby, a obra tem uma loja de discos como um dos cenários-chave. Invariavelmente, o reflexo na adaptação cinematográfica foi uma trilha sonora com nomes como Stevie Wonder, Bob Dylan, The Kinks, Velvet Underground e Elvis Costello. E claro, fica a dica para explorar o livro que traz ainda mais figurões, como: Marvin Gaye, Aretha Franklin, Al Green, Bruce Springsteen e Rolling Stones.

Ainda nos anos 1990, outro filme cuja trilha sonora teve papel preponderante na narrativa foi Trainspotting. Há tristeza e melancolia com Lou Reed, euforia com Iggy Pop e redenção com Underworld.

Outro cineasta que sabe valorizar uma boa trilha sonora é Cameron Crowe. Em sua filmografia, filmes como Vida de Solteiro, focado na grunge Seattle da primeira metade dos anos 1990, Quase Famosos que flertava com o folk e o rock, e foi premiada na categoria de Trilhas no Grammy de 2001, além de Vanilla Sky com um apanhado pop incrível. Curiosamente, Cameron Crowe foi casado durante 24 anos com Nancy Wilson, compositora, produtora e ex-vocalista e guitarrista da banda Heart.

“500 dias com ela” é outro filme em que a música teve papel fundamental na construção das personagens. Para quem não lembra ou ainda não assistiu, o relacionamento entre os dois protagonistas começa após um encontro em um elevador em que um deles ouvia The Smiths no walkman.

Outro nome que aparece em momentos distintos nesta playlist é do cantor, compositor e produtor Glen Hansard. Lá em 1991, ele era um adolescente desconhecido interpretando um guitarrista no clássico The Commitments. Já em 2008, faturava um Oscar pela trilha do sublime Once, traduzido no Brasil como Apenas uma vez, além de mais de 20 indicações e premiações em outros festivais pelo mesmo filme.

Eddie Vedder também pinta em duas circunstâncias com seu Pearl Jam como um destaque do filme Vida de Solteiro de Cameron Crowe referido acima, e por ser o compositor original de Na Natureza Selvagem. O álbum também marcou sua estreia fonográfica em carreira solo.

Nossa playlist especial dedicada às grandes trilhas sonoras traz ainda destaques de filmes como Across the Universe (inspirado na obra dos Beatles), A festa nunca termina (que traz a lisérgica cena de Manchester na virada dos anos 1970 para os 1980), Hora de Voltar (repleta de músicos da cena indie), além de canções que já foram utilizadas em diversos filmes, como Heroes de David Bowie (As vantagens de ser invisível e A Cova), Maybe Tomorrow do Stereophonics (Crash – No limite e Paixão a Flor da Pele), Live and Let Die dos Wings (Trapaça e 007 Viva e Deixe Morrer).

Do cinema nacional, esta seleção traz ainda faixas de filmes como Terra Estrangeira (Gal Costa), Cidade de Deus (Hyldon), O Homem do Futuro (Legião Urbana), Dona Flor e seus dois maridos (Chico Buarque), Cazuza – O Tempo não para, Os Normais (Frejat) e Tropa de Elite 2 (Os Paralamas do Sucesso).

Aperte o play e curta os Hits de Cinema no Spotify.

Revista de Ofertas

Confira as principais ofertas
da rede Zaffari & Bourbon.

Endereços e horários:

Selecione um de nossos empreendimentos para conferir o endereço e os horários de funcionamento.

 

Trabalhe Conosco

Cadastre-se em nosso site.

© 2018 Grupo Zaffari. Todos os Direitos Reservados | Política de Privacidade
Grupo Zaffari